Virtus e Polo Highline 20/20 estreiam mais equipados; hatch custa R$ 83.030

Dupla da Volkswagen terá alterações na lista de equipamentos de série, que torna-se mais robusta nas versões topo de linha; sedã passa dos R$ 90 mil
Volkswagen Polo 2020

Volkswagen Polo 2020 | Imagem: Divulgação

No ano passado, quando a Volkswagen apresentou a linha 2019/2020 para Polo e Virtus, a marca passou a equipar a dupla com controles de estabilidade e tração de série. Agora, com o início da produção dos modelos 2020/2020, tanto hatch quanto o sedã devem receber mais alterações na lista de equipamentos.

Segundo o site Motor1, devem começar a chegar às lojas da marca nos próximos dias as primeiras unidades com tais mudanças, juntamente aos novos Polo GTS e Virtus GTS, dupla esportiva que deve ser lançada até o final do mês de janeiro. 

A versão Highline 1.0 turbo automática, a topo de gama para ambos, é a que deve sair ganhando mais, agregando de série itens como rodas de 17 polegadas, bancos de couro, painel de instrumentos digital, navegação por GPS, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, câmera de ré, luz diurna de LED, sensores de chuva e crepuscular, multimídia com tela de oito polegadas, sensor de fadiga do motorista, indicador de pressão dos pneus e frenagem pós-colisão. Assim, o kit Tech High, que agregava tais equipamentos, deixará de ser oferecido.

Voltando à versão mais barata do hatch, a 1.0 MPI com motor de três cilindros aspirado, deverá perder o pacote de opcionais Connect Pack II, que acrescentava itens como sensor de ré, central multimídia Composition Touch e volante multifuncional. O Connect Pack, que agrega ainda rodas de liga leve de 15 polegadas e espelhos com ajuste elétrico, permanecerá disponível.

Um nível acima, as versões com motor 1.6 MSI de quatro cilindros e câmbio manual, disponíveis para Polo e Virtus, perderam todos os opcionais, mas passam a ter de série rodas de liga leve de 15 polegadas, sensor de ré e central multimídia. A mesma configuração, porém com câmbio automático, ainda oferece o Kit Interatividade, agregando multimídia, sensor de ré e rodas de liga. O Interatividade II, que oferecia o mesmo, exceto pelas rodas, foi descontinuado.

Passando para a versão Comfortline do hatch e do sedã, a mais acessível com motor 1.0 turbo e câmbio automático, alguns itens avulsos, tais como rodas as rodas de liga leve aro 16 polegadas e bancos de tecido sintético, foram agregados ao pacote Comfort Tech I, que tem ainda chave presencial, sensor de estacionamento dianteiro e traseiro, borboletas para trocas de marcha no volante, acendimento automático dos faróis e sensor de chuva.

O Kit Tech II, que agregava ainda câmera de ré, ar-condicionado automático, sensor de fadiga do motorista, indicador de pressão dos pneus e frenagem pós-colisão, deve sair do catálogo. O kit Beats Sound, com sistema de som premium e detalhes visuais também deverá deixar de ser oferecido na linha 2020/2020 de Polo e Virtus.

De acordo com a mais recente tabela de preços da Volkswagen a que o Autoo teve acesso, válida a partir do último dia 14, o Polo Highline 20/20 aparece com preço sugerido de R$ 83.030, que nada mais é do que o mesmo valor de uma unidade 19/20 (R$ 76.990) acrescida de todos os equipamentos que até então figuravam como opcionais. No caso do Virtus Highline 20/20, o sedã compacto chegará ao mercado por R$ 90.075.  

Volkswagen Virtus 2020
Volkswagen Virtus 2020
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!