Carro por assinatura: serviço na Ford inicia em R$ 3.700 ao mês

Iniciativa contempla os modelos Ranger e Territory e duas modalidades de planos
Territory: SUV terá o valor de assinatura mensal mais baixo dentro do serviço Ford Go

Territory: SUV terá o valor de assinatura mensal mais baixo dentro do serviço Ford Go | Imagem: Divulgação

Serviço que ganha cada vez mais relevância para as montadoras, a modalidade de carro por assinatura passa a contar com o reforço dos carros da Ford como opção.

A fabricante norte-americana inicia a partir desta semana a operação do Ford Go em 200 cidades no território nacional. A iniciativa começou a ser testada no ano passado em Brasília (DF), Goiânia (GO) e Porto Alegre (RS).

Assim como nos programas das demais marcas, o Ford Go engloba no valor da assinatura mensal os custos e gerenciamento de documentação, revisões, seguro, entre outros. Basta o cliente se preocupar em abastecer o veículo e dirigir.  

Segundo a fabricante, todo o processo de contratação do serviço pode ser feito por meio do site dedicado à iniciativa e é completamente digital. Também é possível realizar a assinatura diretamente nas concessionárias da marca, caso o consumidor preferir. 

Como diferenciais, o automóvel contratado pelo Ford Go contará com uma tag já instalada para o pagamento automático de pedágios e estacionamentos. A marca também oferecerá carro reserva durante a vigência do contrato em caso de necessidade. 

Saiba mais: Vale a pena contratar um carro por assinatura? 

A mensalidade mais acessível do Ford Go é encontrada no SUV médio Territory na versão SEL. A assinatura custa R$ 3.700 no plano de 12 meses com franquia mensal de 2.000 km.

No caso da Ford Ranger, a assinatura mais acessível fica para a versão Black, que terá custo fixo mensal de R$ 5.450 nas mesmas condições de uso citadas para o Territory.

Somente a picape e o SUV podem ser adquiridos por meio do serviço.

A assinatura mais cara fica por conta da Ranger Limited, versão topo de linha da picape, que custará R$ 6.850 ao mês.

Além da motorização 3.2 turbodiesel, a Ranger Limited oferece tração 4x4, câmbio automático e um robusto pacote de assistentes de condução, com destaque para o alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência, piloto automático adaptativo, entre outros.

A Stellantis opera o serviço de carro por assinatura por meio da Flua!, que atende as gamas Fiat e Jeep. Volkswagen, Mitsubishi, CAOA Chery e Renault são outros exemplos de fabricantes com programas semelhantes.

Ford Ranger 2022
No caso da Ranger, assinatura mais acessível fica para a versão Black
Imagem: Divulgação