Great Wall pode acelerar investimento de US$ 300 milhões no Brasil

Montante faz parte de uma realocação de capital por conta de tensões entre China e Índia
Haval H9

Haval H9 | Imagem: Divulgação

Ao que tudo indica, o Brasil pode ser beneficiado por tensões envolvendo a China e a Índia.

Segundo reportam a Reuters e o Automotive News China, a Great Wall Motor poderá realocar parte do seu investimento total de US$ 1 bilhão na Índia para acelerar o início das operações da empresa no Brasil. 

De acordo com fontes ouvidas pelos dois veículos, a demora do governo indiano em liberar investimentos chineses no país seria o motivo da decisão.

O montante que será realocado ao Brasil pode atingir US$ 300 milhões, quantia que supera R$ 1,5 bilhão pela cotação desta quinta-feira. 

Negociação no Brasil

“Nossa negociação no Brasil já está quase concretizada, logo não faria sentido manter os recursos bloqueados para a Índia”, revelou um dos envolvidos nas operações do conglomerado chinês para a agência de notícias. 

Com isso, a Great Wall poderá acelerar a aquisição da fábrica da Mercedes-Benz em Iracemápolis (SP) e dar seguimento aos seus planos de expansão nos mercados da América Latina, Europa e Ásia.

De acordo com as fontes envolvidas nas negociações, a Great Wall Motor deverá produzir no Brasil para venda local e exportação os SUVs da marca Haval. Recentemente, inclusive, a marca apresentou aquele que deverá ser o seu utilitário esportivo mais sofisticado, o Haval Shenshou.  

A Great Wall vendeu mais de 1 milhão de veículos ao redor do mundo em 2020, grande parte deles na China, e segue trabalhando em conjunto com a BMW no desenvolvimento de modelos elétricos da MINI, além de construir em conjunto com a fabricante alemã uma nova fábrica na China.

Haval Jolion
Haval Jolion
Imagem: Divulgação