Durante o lançamento do Tiggo 7, a equipe do Autoo conseguiu apurar algumas novidades que a CAOA Chery prepara para o mercado brasileiro ao longo dos próximos meses. Vale a pena destacar que o SUV médio recém-chegado às concessionárias completa o primeiro ciclo de lançamentos da marca, que começou em 2018 com o Tiggo 2.

O Autoo entrevistou por alguns minutos o CEO da fabricante nacional, Márcio Alfonso, que anunciou a chegada de mais dois novos produtos para a gama CAOA Chery em 2020, um para cada unidade fabril da marca. Em Jacareí (SP) será feito mais um sedan, enquanto Anápolis (GO) ficará com mais um SUV. No caso da fábrica goiana, já se sabe que é o Tiggo 8, SUV grande com capacidade para 7 pessoas, quem se juntará à linha de montagem ao lado do Tiggo 5x e do Tiggo 7.

Questionado sobre a nova família de motores que a Chery começou a produzir na China no fim de 2018, Alfonso adiantou que os propulsores mais avançados, com turbo e injeção direta, deverão chegar à linha nacional da CAOA Chery a partir de 2020. Esses novos motores, que compartilham a mesma base comum, contam com diversas opções de deslocamento, tais com o 1.2, 1.5, 1.6 e 2.0 l. O propulsor 1.6 turbo, que foi o primeiro a ser produzido, conta com potência na casa de 200 cv e torque de cerca de 30 kgfm, o que nos sinaliza propulsores muito eficientes.

Aqui no Brasil, é provável que o Tiggo 8 inaugure a nova gama de motores mais modernos até por ser o modelo topo de linha da marca por aqui. A previsão é que a montagem local do Tiggo 8 inicie no fim deste ano, com a chegada ao mercado nos primeiros meses de 2019.

Opção premium

O Autoo também aproveitou a conversa com o CEO da CAOA Chery para saber mais detalhes sobre a marca Exeed no Brasil.

De acordo com Alfonso, a intenção da CAOA Chery é oferecer em nosso mercado os carros mais sofisticados da nova submarca de luxo da Chery, porém isso ainda levará um certo tempo. “Primeiro precisamos consolidar a marca CAOA Chery por aqui, aí só então teremos condições de dar um grande passo que é a implantação dos modelos da Exeed, até porque é como se lançássemos mais uma marca completamente nova, o que exige muito trabalho e planejamento”.

Pensada para o mercado europeu, a Exeed traz o que há de mais sofisticado dentro da gama Chery, investindo em propulsão alternativa e acabamento mais refinado para modelos como o TX, SUV responsável por lançar a marca naquele mercado.

Por falar em propulsão alternativa, a CAOA Chery também declarou que já realiza pesquisas e estudos para implantar carros elétricos por aqui. Na China, a Chery já possui uma ampla gama de modelos com esse tipo de propulsão, que poderiam rapidamente ser adaptados para nosso mercado.

A expectativa da CAOA Chery é encerrar 2019 com 111 concessionárias espalhadas pelo território brasileiro e produzir 40.000 unidades somando suas duas fábricas até o fim do ano. 

Chery inicia a produção de sua nova família de motores com o 1.6TGDI
Chery inicia a produção de sua nova família de motores com o 1.6TGDI
Imagem: Divulgação

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/