VW ainda tem 10 lançamentos até o fim de 2020

Saiba o que podemos esperar dentro da gama da marca alemã
Volkswagen Jetta 2018

Volkswagen Jetta 2018 | Imagem: Divulgação

Marca que começou um processo de renovação da gama antes das rivais, a Volkswagen não esconde a ambição de se tornar a nova líder em vendas do mercado nacional por volta do começo da próxima década.

Dentro dessa estratégia, os recém-lançados Gol e Voyage com câmbio automático figuram como a 9ª e a 10ª novidades da marca dentro dos 20 lançamentos que a alemã prometeu para nosso mercado dentro dos próximos três anos. Vale lembrar que a conta começou com a chegada do Polo e do Virtus ao mercado ainda no fim de 2017.

Mas é claro que fica a pergunta: o que podemos esperar para as 10 novidades que ainda faltam ser lançadas? Então confira abaixo um resumo que preparamos:

11ª novidade – Nova geração do Jetta
Já revelada no começo deste ano nos EUA, a nova geração do Jetta deve ser um dos lançamentos que a VW poderá realizar ainda neste semestre. O modelo vai oferecer um grande salto em seu projeto, agora baseado sobre a plataforma modular da marca e oferecendo um alto nível de tecnologia embarcada. Ele deverá chegar ao mercado com o 1.4 turbo sob o capô.

12ª e 13ª novidades – Polo GTS e Virtus GTS
Ainda neste ano, as variações esportivas do Polo e do Virtus, que resgatam a sigla GTS no Brasil, deverão ser apresentadas ao mercado brasileiro. É bem possível que eles figurem como os destaques da marca no Salão de São Paulo no fim de 2018. Com o motor 1.4 TSI equipando a dupla, Polo GTS e Virtus GTS deverão entregar um alto nível de desempenho com um preço não tão alto assim, uma receita que há um bom tempo não encontramos nos carros fabricados em nosso país.

14ª novidade – T-Cross
No primeiro semestre de 2019, como já foi confirmado pela marca, chega à rede de concessionárias o aguardado T-Cross. O SUV compacto da Volkswagen vai entrar na categoria de Honda HR-V, Hyundai Creta, Jeep Renegade e cia. Dentre seus pontos fortes vão figurar as opções de motorização, no caso o 1.0 TSI e o 1.4 TSI, bem como possibilidades de personalização da carroceria com pintura bicolor. A Volkswagen também promete bom nível de espaço interno para o modelo.

15ª novidade – Nova geração da Saveiro
A picape compacta será renovada e, segundo alguns rumores, a nova geração da Saveiro pode fazer com que a picape cresça no tamanho e adote um posicionamento semelhante ao de Renault Duster Oroch e Fiat Toro, provavelmente mantendo alguma opção de trabalho ou custo mais acessível derivada da carroceria atual. Fato é que a Fiat Toro mostrou um sucesso enorme no Brasil e muitas marcas deverão apostar nessa nova categoria. É bem possível que a nova geração da Saveiro seja apresentada em uma data próxima ao T-Cross.

16ª novidade – Passat 2019 (facelift)
Dentro da gama premium da Volkswagen, uma novidade relevante será a chegada do facelift do Passat, que deverá ser revelado no fim deste ano já inaugurando a linha 2019 do sedã grande. Segundo o que nos revela a mídia especializada europeia, o modelo deverá ganhar alguns elementos de design inspirados no Arteon. Também é cogitada a inclusão de mais assistentes de condução para o sedã.

17ª novidade – Tharu ou o SUV médio derivado do projeto Tarek
Talvez até o fim de 2019 possamos encontrar nas ruas brasileiras o SUV médio que a Volkswagen prepara para disputar mercado com o Jeep Compass. Até o momento conhecido como Tarek ou Tharu, a novidade será posicionada entre o T-Cross e o Tiguan Allspace em termos de tamanho e faixa de preço, dando para a marca alemã condições de se posicionar de uma forma mais interessante para os consumidores que desejam um SUV na faixa de R$ 100.000 a R$ 125.000. A novidade deverá contar com uma cabine espaçosa e porta-malas maior que o T-Cross. Ele deverá levar até 5 passageiros, deixando a opção 7 lugares dentro da linha Volkswagen com o Tiguan Allspace.

18ª novidade – Atlas
Já pensando em 2020, a Volkswagen pode considerar a nova geração do europeu Touareg cara demais para nosso mercado e poderá apostar em um novo utilitário esportivo para ser o seu modelo topo de linha nessa categoria. Estamos falando do Atlas, SUV de grande porte criado para os EUA e que entrega uma cabine maior e mais versátil em relação ao elegante e luxuoso Touareg. Talvez a VW veja no Atlas uma opção mais competitiva para nosso mercado. É bom lembrar que VW já exibiu o novo Atlas como seu destaque no Salão de Buenos Aires em 2017, o que já é um sinal claro de sua estratégia regional. Além das três fileiras de assentos, o Atlas tem como opção um interessante motor VR6 de 280 cv. 

19ª novidade – SUV pequeno derivado do novo Gol
Essa é uma categoria inovadora e que promete grande atenção das fabricantes que operam no Brasil. Tratam-se de novos SUVs com menos de 4 m, posicionados, portanto, abaixo dos SUVs compactos atuais, que serão uma evolução dos hatches aventureiros atuais. Não é por acaso que a Volkswagen retirou de linha o CrossFox de sua gama, uma vez que prepara um “jipinho” especialmente para atuar nesse nicho de mercado. Como não só as dimensões como também o preço mais acessível são duas prerrogativas importantes, a novidade será um projeto gestado em paralelo com a evolução do Gol. Ambos vão compartilhar a mesma plataforma, no caso uma versão simplificada da presente no Polo, bem como elementos de acabamento e conjunto mecânico.

20ª novidade – Gol (nova geração)
Para coroar o seu movimento de renovação da gama, a Volkswagen poderá guardar a cereja do bolo. Trata-se da nova geração do Gol, um dos modelos mais bem-sucedidos de nosso mercado e que deverá ter uma longa trajetória aqui no Brasil por um bom tempo. O modelo será atualizado dentro de sua proposta de carro de entrada, portanto com preço acessível. Ele terá uma cabine mais espaçosa e versátil do que o up!, por exemplo, oferecendo um habitáculo adequado para 5 pessoas e porta-malas na casa dos 300 litros, a atual média do segmento. Em uma outra linha, contudo, algumas notícias de bastidores dão conta de que o Gol poderá se tornar um subcompacto com proposta semelhante a do Renault Kwid. Vamos aguardar, contudo, a evolução do desenvolvimento do hatch, quando os primeiros flagras surgirem e dessa forma entendermos melhor o caminho que a VW vai seguir. 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!