Chery aposenta S-18 e Cielo no Brasil

Fabricante chinesa quer focar na produção nacional; vendas dos modelos aposentados somaram apenas 731 unidades em 2013

Chery Cielo | Imagem: Chery

A Chery resolveu enxugar sua linha de veículos no Brasil. A marca chinesa anunciou que a partir de fevereiro de 2014 os modelos S-18 e Cielo (nas versões hatch e sedã) deixarão de ser vendidos no País. Ambos apresentaram um desempenho pífio nas vendas em 2013 - somados não chegaram a 750 unidades vendidas - no entanto, a marca informou que a medida faz parte da nova estratégia de mercado, focada na produção nacional.

Em comunicado, a fabricante assegura aos proprietários dos modelos S-18 e Cielo que eles continuarão tendo acesso a todos os procedimentos de pós-venda, desde manutenção preventiva a troca de peças, pelo tempo que for necessário. No entanto, a montadora enfatiza que seu objetivo é priorizar os modelos que são base de comercialização, assim que a fábrica nacional começar a produzir.

A linha de montagem da Chery no Brasil está sendo erguida em Jacareí, interior de São Paulo, e tem inauguração prevista para julho de 2014. Também está em andamento uma unidade de motores, que deve ser concluída até o final do ano.

Hoje, a fabricante chinesa vende no mercado nacional modelos importados diretamente da China, como o compacto QQ e a linha Celer, e também montados no Uruguai, que é o caso do FaceTiggo. Quanto ao lançamento de novos produtos a Chery já havia adiantado, em meados do ano passado que há outras prioridades antes de investir na ampliação do portfólio. Pelo visto, os dois modelos aposentados não deixarão saudade...

Assine a newsletter semanal do AUTOO!