Já era uma bola cantada desde o Salão de São Paulo 2018, quando ele figurou como um dos destaques da Ford em seu estande na mostra paulista. Apesar de alguns executivos da marca sempre mostrarem-se cautelosos sobre a possibilidade de oferta do Territory no Brasil, alegando que estudos estavam sendo realizados sobre a viabilidade do modelo por aqui, a definição sairá nesta semana.

A Ford preparou para a próxima quarta-feira (7) uma coletiva em que fará um “anúncio regional muito importante”, convocando também os colegas da imprensa argentina.

Tudo leva a crer que a fabricante deverá anunciar, entre outras novidades, sua estratégia de comercialização do Territory na América do Sul, se ele virá importado da China ou produzido localmente em alguma fábrica da região. Sabe-se que a unidade de Pacheco, na Argentina, foi cotada para receber a produção do SUV, mas resta saber se haverá viabilidade financeira para tal.

Como já abordamos em diversas outras oportunidades aqui no Autoo, o Territory é um produto inicialmente projetado e destinado ao mercado chinês. Ele foi desenvolvido pela Ford em parceria com a chinesa JMC (Jiangling Motors Corporation), sua joint venture no país asiático. Projetado tendo como foco o custo-benefício dentro de sua categoria, são grandes as chances dele chegar ao Brasil com um valor competitivo.

Pelo menos na China, o Territory não deixa de oferecer um bom pacote de equipamentos, com destaque para a presença de recursos como a tela da central multimídia com 10,25” e um bom número de assistentes de condução, entre eles o controlador de velocidade adaptativo, aviso de colisão com frenagem automática, sistema de câmeras 360º, alerta de ponto cego, assistente de estacionamento, etc.

Vamos aguardar as novidades do evento que a marca promoverá nesta semana e relataremos tudo aqui no Autoo. Acompanhe!  

Ford Territory
Ford Territory
Imagem: Divulgação

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/