apresentado nos EUA há um bom tempo, só agora o Ford Fusion 2019 chega ao Brasil trazendo melhorias no visual e um reposicionamento das versões oferecidas aqui.

Seguindo a lógica do mercado, a fabricante norte-americana passa a importar ao Brasil as versões mais comercializadas do sedan, portanto os catálogos 2.5 flex e Titanium com tração dianteira deixam de ser oferecidos em nosso país.

Com isso, a versão mais acessível do Ford Fusion 2019 passa a ser a SEL 2.0 EcoBoost, que estreia tabelada em R$ 149.900. Por esse valor, além do motor 2.0 turbo de 248 cv e o câmbio automático de 6 marchas, o modelo oferece como itens de série teto solar elétrico de série, 8 airbags (frontais, laterais, de cortina e de joelhos), cintos de segurança traseiros laterais infláveis (tecnologia exclusiva da Ford no mundo), controle eletrônico de estabilidade e tração AdvanceTrac, assistente de partida em rampa, assistente de chamada de emergência, start-stop, chave com sensor de presença, partida remota, central multimídia SYNC 3, ar-condicionado automático digital com duas zonas de atuação, bancos dianteiros aquecidos, freio de estacionamento elétrico e luz de assinatura em LED.

Logo acima fica posicionado o Fusion Titanium 2.0 EcoBoost AWD, que, como a sigla indica, acrescenta o sistema de tração integral. Tabelada em R$ 179.900, a versão ainda acrescenta o pacote de tecnologia CoPiloto 360 composto por alerta de colisão com assistente autônomo de frenagem e detecção de pedestre, sistema de monitoramento de ponto cego, sistema de permanência em faixa, piloto automático adaptativo com função “Stop & Go” para engarrafamentos, farol alto automático e estacionamento automático de segunda geração para vagas paralelas e perpendiculares.

O Fusion Titanium EcoBoost AWD 2019 ainda inclui faróis dianteiros e de neblina full LED, aerofólio traseiro e bancos dianteiros refrigerados.

A opção mais cara do sedan segue a Titanium Hybrid, com preço sugerido de R$ 182.990. O conjunto de equipamentos é o mesmo da configuração Titanium AWD, porém o conjunto propulsor é formado pela combinação do motor 2.0 a combustão com um propulsor elétrico, que, juntos, geram uma potência combinada de 190 cv. O Fusion Hybrid é um dos veículos mais econômicos do mercado, com consumo de 16,8 km/l na cidade e 15,1 km/l na estrada. A configuração conta com uma tela no painel orienta o motorista a dirigir de forma mais eficiente, com desenhos animados de folhas que crescem conforme a economia obtida.

Na linha 2019, o Ford Fusion recebeu um discreto facelift. O para-choque dianteiro é novo e traz dois apliques cromados no estilo “taco de hóquei” na parte inferior. As versões Titanium têm grade dianteira cromada e faróis de neblina de LED. As rodas de 18 polegadas das versões Titanium também foram redesenhadas. Na traseira, o para-choque e a tampa do porta-malas ganharam um design mais moderno e limpo, com vincos que se conectam com as linhas laterais. As lanternas exibem novas molduras e o friso central cromado que as unia foi eliminado. Clique na foto principal para acessar a galeria de imagens.

O sedan chega ao Brasil importado do México em cinco opções de cores: Branco Sibéria, Vermelho Vermont, Preto Astúrias, Prata Dublin e Cinza Moscou, além da Prata Sevilla, disponível somente para o Titanium Hybrid. 

Ford Fusion 2019
Ford Fusion 2019
Imagem: Divulgação

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/