Kia Sportage de 5ª geração ganha prévia antes do lançamento

SUV estreará visual bastante ousado e painel dominado por uma tela gigante de LCD
Teaser do novo Kia Sportage 2022

Teaser do novo Kia Sportage 2022 | Imagem: Divulgação

A Kia publicou nesta segunda-feira as primeiras imagens oficiais do novo Sportage, utilitário esportivo de porte médio que está chegando à 5ª geração. O modelo será apresentado de fato no dia 8 de junho, mas a marca sul-coreana preferiu antecipar alguns detalhes por meio de ilustrações em preto e branco.

Como tem sido notado há algum tempo, o Sportage 2022 estreará um estilo bastante ousado e que segue o novo conceito de design da Kia introduzido pelo elétrico EV6.

O SUV terá uma frente dominada por grandes conjuntos ópticos ligados uma grade bastante alta. As luzes diurnas de LEDs formam um arco no formato de um ‘bumerangue’ que se estende até perto da caixa de rodas.

A lateral do Sportage sugere que o modelo está um pouco mais baixo, com um perfil mais longo (especula-se que as ilustrações mostrem a versão de entreeixos maior). Na traseira, as belas lanternas parecem se conectar por meio de uma régua na tampa do porta-malas.

A Kia também mostrou como será o painel do utilitário esportivo, dominada por uma larga tela em LCD nos moldes do que a Mercedes-Benz introduziu no Classe A.

“Inspirando-se em um ethos que criamos onde a natureza encontra a tecnologia, o novo Sportage desafia a norma com um exterior contemporâneo e aventureiro e um interior cuidadosamente concebido e com belhos detalhes”, disse Karim Habib, vice-presidente sênior e chefe do Global Design Center.

No entanto, a montadora pouco explicou sobre o novo carro até agora. Sabe-se que ele continuará compartilhando a mesma plataforma do Hyundai Tucson, o que indica uma motorização 1.6 turbo e até mesmo uma versão híbrida plug-in. O início de vendas está marcado para julho na Coreia do Sul.

Teaser do novo Kia Sportage 2022
Teaser do novo Kia Sportage 2022
Imagem: Divulgação

Velho conhecido dos brasileiros

O Sportage é um dos modelos mais antigos da Kia e sua primeira geração, para quem não se lembra, chegou antes mesmo do Tucson. Naquela época, a marca apostava num SUV tradicional, com chassi separado da carroceria, tração 4x4 e motor a diesel que foi vendido no Brasil até meados dos anos 2000 quando a segunda geração, certamente a mais apagada da sua história foi lançada, já com chassi monobloco e tração dianteira.

A terceira geração, já sob a batuta do alemão Peter Schreyer, se redimiu, com um estilo bastante marcante, que foi sucedida pela geração atual em 2016.

No Brasil, no entanto, o Sportage tem perdido terreno desde que as regras de importação foram endurecidas e, sobretudo, o dólar explodiu, tornando sua comercialização bastante limitada.

Se em 2014 a Kia vendeu quase 10,4 mil unidades no país, no ano passado, com a crise sanitária, foram apenas 1.625 carros. A nova geração do Sportage deve chegar ao nosso mercado em 2022, não há dúvida (afinal ainda é o modelo mais emplacado da marca), mas vê-lo nas ruas será algo bastante incomum, o que é uma pena.