Oficial: Honda CR-V parte de R$ 84.700

Novo crossover ficou mais competitivo; versão de entrada tem câmbio manual

Honda CR-V 2012 | Imagem: Honda

A Honda divulgou nesta sexta-feira (2), as informações e preços oficiais da quarta geração do CR-V para o Brasil. O modelo faz parte da estratégia da marca japonesa que visa a mudança de toda sua linha em 2012. Assim como o novo crossover, Fit e City também serão atualizados, seguindo os passos do Civic que evoluiu no começo deste ano.

A versão LX, a mais barata da gama e única com câmbio manual, sairá por R$ 84.700. O modelo intermediário que também é chamado de LX custa R$ 87.899 com transmissão automática e a top EXL começa em R$ 103.200.

Veja mais: Entenda como funciona o mercado de carros para deficientes

Porém, se levar em consideração os preços oficiais divulgados pela Honda e a apuração feita pelo AUTOO junto às concessionárias da marca, perceberá que a prática do ágio (dependendo da demanda, as concessionárias cobram preços diferentes do sugerido pelas montadoras) já está correndo solta. Em algumas lojas, a versão LX – com câmbio manual – estava cotada em R$ 87.000, R$ 2.300 mais caro do que o preço tabelado pela Honda.

A versão intermediária também não saia por menos de R$ 90 mil enquanto o modelo mais caro, na configuração EXL, foi encontrado por R$ 105 mil. Como o CR-V antigo era vendido por R$ 85.700 com o pacote LX e R$ 97.380 no top EXL, podemos afirmar que a Honda conseguiu encaixar o modelo em uma boa faixa de preço. Agora, a batalha com o Hyundai ix35, Kia Sportage, Chevrolet Captiva e Mitsubishi ASX vai ficar realmente acirrada.

O que mudou?

Já havia passado da hora da Honda mudar a cara do CR-V. Agora, com traços mais modernos, o SUV passou por mudanças drásticas no design exterior e interior. Desde a nova grade frontal até o novo formato do teto, com um caimento que deixa o CR-V com cara de crossover, o desenho gira em torno da modernização do produto.

As mudanças no tamanho do veículo fizeram o porta-malas crescer de 556 litros para 589 litros – quando cheio até o teto, segundo a Honda. Ao rebater os bancos, o espaço praticamente dobra e o CR-V passa a comportar 1.146 litros no compartimento traseiro.

Já o motor 2.0 16V não mudou. Mesmo assim, a Honda reformou o bloco com mais 5 cv somados aos antigos 150 cv da versão anterior, despejando um total de 155 cv a 6.500 rpm. O CR-V 2012 ainda pode ter tração 4x2 e 4x4. Já o torque máximo é de 19,4 kgfm.

A função Eco Assist (também presente no novo Civic) ajuda o motorista na hora de conferir como está seu estilo de condução, facilitando o controle do consumo de combustível. Ele também recebeu a função Hill Assist, que ajuda na hora de sair de ladeiras e um novo sistema de interação chamado i-MID que passa diversas informações para o motorista através de uma tela colorida de 6,5 polegadas. O novo CR-V continua com 3 anos de garantia, sem limite de quilometragem e já pode ser adquirido nas concessionárias da Honda.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!