Primeiro SUV compacto da Volks, T-Cross chega apenas em 2019

Modelo será produzido no Paraná e é um dos cinco SUVs que a marca lançará no país até 2020
Projeção do futuro Volkswagen T-Cross feita por Kleber Silva

Projeção do futuro Volkswagen T-Cross feita por Kleber Silva | Imagem: Projeção de Kleber Silva

Como já virou "tradição", a Volkswagen acaba de postergar sua estreia no mercado de SUVs compactos, o que mais cresce no Brasil. A marca alemã, já bastante atrasada, só lançará o T-Cross, seu primeiro modelo da categoria, no primeiro semestre de 2019 e não este ano, como se pensava.

O anúncio oficial da produção do jipinho foi feito nesta terça-feira (03) pela fabricante. O T-Cross será produzido no Paraná, na fábrica de São José dos Pinhais, de onde também sairá uma versão picape para competir com a Fiat Toro.

“A empresa vive um momento de transformação: além de muito mais próximos de todos os nossos públicos, estamos colocando em prática a maior ofensiva de produtos da história da Volkswagen no País. Serão 20 lançamentos até 2020, 5 deles SUVs completamente novos, como é o caso do T-Cross”, disse Pablo Di Si, novo presidente da Volkswagen no Brasil e América do Sul.

Entre os cinco SUVs estão o novo Tiguan que será lançado na segunda-feira, dia 9 de abril e também um SUV entre ele e o T-Cross e que será produzido na Argentina.

A Volkswagen preferiu divulgar apenas um desenho que mostra a silhueta do T-Cross, mas o SUV já foi flagrado várias vezes por aqui e deve ser parecido com a ilustração mostrada nesta página.

Assim como o Polo e o Virtus, o jipinho também usará a plataforma modular MQB mas na versão “normal” que deu origem ao Golf.