SUVs médios: o segmento com os melhores carros hoje no Brasil

Chegada do VW Tiguan e do Honda CR-V deixa a categoria com excelentes representantes por aqui
Montagem com VW Tiguan, Peugeot 5008, Honda CR-V e Jeep Compass

Montagem com VW Tiguan, Peugeot 5008, Honda CR-V e Jeep Compass | Imagem: Montagem Autoo sobre fotos de divulgação

Embaladas pelo sucesso que o Jeep Compass obteve aqui no Brasil – o que deixou claro que muita gente está disposta a pagar mais de R$ 100.000 em um SUV por aqui – muitas montadoras sentiram-se confiantes para apostar no segmento de utilitários esportivos de médio porte por aqui, a maioria deles ainda importados.

Quem mostrou a primeira inciativa de lançar em nosso país um modelo verdadeiramente competitivo em relação ao Compass brasileiro foi a Hyundai com a nacionalização do New Tucson ainda no fim de 2016. O modelo, que foi um dos destaques do Salão de São Paulo no mesmo ano, chegou com motor 1.6 turbo, câmbio de dupla embreagem e um nível de espaço interno e capacidade de carga no porta-malas bem interessantes.

Logo em seguida, já partindo para a metade de 2017, foi a Peugeot com a nova geração do 3008 quem apostou no mercado brasileiro. Com seu design e interior bem mais arrojados e apostando no diferencial estético de seu habitáculo, o crossover só herdou mesmo da primeira geração o conjunto mecânico formado pelo motor 1.6 THP e o câmbio automático de 6 marchas, que mesmo assim ainda se mantém competitivo nos dias de hoje.

Pouco tempo depois foi a vez da Chevrolet, com o Equinox Premier, trazer ao Brasil um SUV que surpreendeu na época do lançamento pelo excelente custo-benefício ao trazer uma lista de equipamentos de conforto e segurança muito completa na faixa de R$ 155.000 aliada ao alto desempenho que seu motor 2.0 turbo e o câmbio automático de 9 marchas proporcionam.

Já na virada para 2018, o segmento de SUVs médios se consolidou como um dos mais avançados e modernos hoje no Brasil após o lançamento de todos os modelos esperados para a categoria. Ainda permanece a dúvida da importação do Renault Koleos ao país, a qual, segundo a fabricante, ainda não está completamante descartada, porém depende de algumas sinalizações como a divulgação do novo regime automotivo Rota 2030.

Voltando às novidades, agora em 2018 notamos a chegada quase que concomitante das novas gerações do Volkswagen Tiguan, Honda CR-V e sem esquecer do Peugeot 5008, um produto excelente que a marca francesa disponibiliza no mercado para quem deseja um SUV mais versátil e com capacidade para 7 passageiros.

Essa terceira fileira também é um atributo que o Volkswagen Tiguan Allspace passa a oferecer em sua segunda geração e com sua inédita carroceria alongada. A novidade da VW, que começa a ser vendida neste mês, passa a ser importada do México e chega ao país com preços bem mais competitvos, com destaque para sua opção 5 lugares de entrada na casa de R$ 125.000. O modelo ainda mantém uma proposta mais esportiva na configuração topo de linha R-Line, que conta com o mesmo motor 2.0 turbo presente no Golf GTI, tração integral e aceleração de 0 a 100 km/h abaixo de 7 segundos, só que o preço vai para a casa dos R$ 180.000.

Outro que chegou ao mercado com preço semelhante ao Tiguan R-Line é o novo Honda CR-V, agora equipado com o mesmo 1.5 turbo presente no Civic Touring. O modelo só fica devendo mesmo em assistentes avançados de condução. Mesmo custando tão caro quanto seus rivais em versões topo de linha, você não encontra no CR-V 2019 recursos como assistente de estacionamento, assistente de permanência em faixa, frenagem autônoma de emergência, dentre outros. Com isso, o modelo se posiciona muito mais como uma alternativa aos consumidores da própria Honda aqui no Brasil que querem um SUV de maior porte em relação ao HR-V sem sair da marca.

Em nossa lista também não podemos nos esquecer de alguns veteranos que ainda vendem muito bem. Estamos falando de modelos como o Mitsubishi ASX, Hyundai ix35 e o próprio Toyota RAV4, que deverá estrear sua nova geração por aqui em 2019. O Kia Sportage, que chegou ao mercado renovado um pouco antes da nova leva de SUVs médios, é outro que se mantém em boas posições no ranking de vendas da categoria.

Em breve, mais novidades interessantes por aqui

Além do próprio Toyota RAV4 em sua nova geração, podemos esperar algumas boas novidades para o Brasil em um intervalo de dois a três anos para o segmento de SUVs médios.

Segundo algumas apurações de bastidores, a Nissan deve importar o X-Trail ao país muito provavelmente a partir de 2019, talvez utilizando o Salão de São Paulo neste ano como um termômetro para a aceitação do modelo em nosso país.

Não podemos nos esquecer também de uma novidade bem aguardada para nossa região que será o derivado do projeto Tarek. A novidade que a Volkswagen vai produzir na Argentina terá porte e valores próximos aos do Jeep Compass e, com a produção regional, deverá ser um modelo bem competitivo dentro do segmento. A previsão é que ele chegue às concessionárias por volta de 2020.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!